Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Temer cita exemplo de Blairo Maggi ao defender a reforma tributária

Notícias

Temer cita exemplo de Blairo Maggi ao defender a reforma tributária

Frente Parlamentar

Presidente pretende simplificar a cobrança de impostos, “como o Ministério da Agricultura fez com o programa Agro+”
publicado: 15/02/2017 16h18 última modificação: 15/02/2017 16h18
Posse do novo presidente da Frente Parlamentar da Agricultura

Posse do novo presidente da Frente Parlamentar da Agricultura

O presidente Michel Temer, durante posse na Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), na noite de terça-feira (14), comentou sobre a intenção do governo de simplificar o sistema tributário nacional, citando, como exemplo, o processo de desburocratização implementado pelo ministro Blairo Maggi no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) por meio do programa Agro+.

“Queremos simplificar o sistema tributário do País, queremos desburocratizar, como fez o Blairo Maggi no Ministério da Agricultura. E, para isso, precisamos contar com apoio e, mais do que apoio, com entusiasmo”, afirmou o presidente na cerimônia de posse do novo presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Nilson Leitão (PSDB/MT).

O ministro Blairo Maggi também foi homenageado pelos parlamentares da FPA, que destacaram sua atuação à frente da Pasta. “Temos hoje aqui 42 entidades que representam o agronegócio brasileiro e todas estão felizes com o trabalho desempenhado pelo ministro Blairo Maggi”, disse o deputado Marcos Montes (PSD/MG), que deixou a presidência da frente parlamentar. Maggi destacou a importância do Congresso Nacional nas reformas que precisam ser aprovadas no país.  O ministro disse que  o número grande de parlamentares que constituem a frente “a torna fundamental nas negociações do governo com o Legislativo”.

Essa importância também foi destacada pelo presidente Michel Temer. “Desde o início do governo, a FPA contribuiu com entusiasmo e apoio”, agradeceu o presidente, acrescentando que, por reunir pessoas que participam de atividade que sustenta a economia brasileira, é uma extremamente produtiva.

Temer disse ainda que o agronegócio tem sido o grande pilar da economia nacional. “Quando nós do governo dizemos que o Brasil tem rumo, a primeira direção para qual olho é exatamente a agricultura, o agronegócio”, concluiu.

Mais informações à Imprensa
Coordenação geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br