Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Tecnologia da Embrapa interessa países africanos

Notícias

Tecnologia da Embrapa interessa países africanos

Internacional

Blairo Maggi participou em Uberaba da I Conferência Internacional para Erradicação da pobreza por meio da Agricultura
publicado: 13/02/2017 19h08 última modificação: 13/02/2017 19h08
Exibir carrossel de imagens Maggi reuniu-se com ministros da agricultura de países de língua portuguesa

Maggi reuniu-se com ministros da agricultura de países de língua portuguesa

Pesquisas desenvolvidas pela Embrapa despertaram o interesse de países que participam da I Conferência Internacional de Desenvolvimento Econômico e Erradicação da Pobreza por meio da Agricultura (CPLP), que acontece em Uberaba (MG).O Ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), explicou em reunião com ministros da Agricultura de língua portuguesa, presentes ao encontro, que tecnologias desenvolvidas pela empresa estão à disposição e podem ser negociadas.

A conferência é realizada pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil Moçambique, com apoio da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) do Vale do Rio Grande, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do governo de Minas Gerais, da Prefeitura de Uberaba e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Participam representantes de Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe. Em encontro reservado com os ministros, Blairo Maggi pediu apoio à candidatura do servidor do Mapa, Guilherme Costa, para a presidência do Codex.

Criadores

Blairo Maggi recebeu, na cidade mineira, diretores da ABCZ (Associação Brazileira de Criadores de Zebus) para tratar de melhoramento genético. No projeto Genômica Aplicada à Seleção das Raças Zebuínas o setor propõe subsídio público para a formação de uma plataforma de mapeamento genômico das raças mais utilizadas no país.

À tarde, Maggi, acompanhado do secretário de Política Agrícola, Neri Geller, encontrou-se com produtores de leite da região. Disse que a indústria de lácteos é uma das apostas para que o agronegócio brasileiro aumente sua participação no comércio mundial. E Neri Geller chamou a atenção para a importância de agregar valor à produção leiteira.

 

Mais informações à Imprensa
Coordenação geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br