Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Mapa avalia situação sanitária do Amapá para reconhecimento de área livre de aftosa com vacinação

Notícias

Mapa avalia situação sanitária do Amapá para reconhecimento de área livre de aftosa com vacinação

Sanidade

Atualmente o estado tem status sanitário de risco médio
publicado: 04/09/2017 16h51 última modificação: 05/09/2017 11h37

Técnicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estão percorrendo municípios do Amapá, nesta semana, para verificar os avanços e ajustes necessários à declaração do estado como área livre de febre aftosa com vacinação. Nesta terça-feira (5), às 16h, será realizada audiência com o governador do estado, Waldez Góes, para discutir as ações necessárias. Amanhã serão visitados também o escritório central da Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária do Amapá (Diagro) e a Unidade Veterinária Local (UVL) do município de Mazagão, distante 40 km da capital Macapá.

Entre as medidas que deverão ser tomadas pelo estado conforme demanda da Diagro estão a contratação imediata de quatro veterinários, para os municípios de Laranjal do Jari, Cotias do Araguari e Porto Grande e, oito auxiliares (técnicos agropecuários). Também deverão ser adquiridas 14 caminhonetes e um quadriciclo para atuar nas áreas de várzeas .

O reconhecimento nacional do estado como livre de aftosa com vacinação está em análise no Mapa. Depois de atendidas as exigências para o bom funcionamento do serviço veterinário local, deverá ser assinada Instrução Normativa, com o novo status sanitário do Amapá. Posteriormente o pedido de reconhecimento de área livre de aftosa com vacinação será encaminhado à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). Atualmente o estado tem status sanitário de risco médio.

O rebanho do estado soma  aproximadamente 325 mil cabeças, sendo a maioria (83%) formada por búfalos.

 

Mais informações à imprensa:
Coordenação-geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br