Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Construção da marca Agro Brazil Good For Nature é exibida na FIESP

Notícias

Construção da marca Agro Brazil Good For Nature é exibida na FIESP

Promoção comercial

Objetivo dessa identidade é impulsionar o setor, consolidar e abrir novos mercados
publicado: 18/06/2018 16h37 última modificação: 19/06/2018 11h01

O desenvolvimento da marca Agro Brazil – Good For Nature foi apresentada na sede da FIESP, pelo Secretário de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Odilson Ribeiro e Silva, na sexta-feira (15) a representantes de entidades do agronegócio brasileiro. A apresentação fez parte de exposição feita pelo secretário sobre a Estratégia para Abertura, Ampliação e Promoção no mercado internacional do agro brasileiro.

O objetivo da marca é ressaltar qualidades positivas do setor no mercado internacional, incluindo vídeos sobre o sistema produtivo exibidos a partir de um QR Code nos produtos exportados. “A marca será uma ferramenta de competitividade muito importante e que vem ao encontro da necessidade do agronegócio brasileiro. Esperamos que ela seja abraçada pelos setores aqui representados e que, juntos, consigamos promover de forma ainda mais eficiente mais produtos brasileiros, em mais mercados estratégicos. Para isso, a nossa sinergia é fundamental”, ressaltou o secretário.

Em 2017, o setor agrícola representou 44,1% das exportações totais do país, garantindo ao Brasil cerca de 7% de participação no mercado mundial de produtos agropecuários. De acordo com o secretário de Relações Internacionais do Mapa, “A estratégia de promoção comercial inclui o estímulo à diversificação dos mercados importadores e das empresas exportadoras, incluindo pequenas e médias empresas”.

O incentivo à abertura de novos mercados, por meio de um plano continuado de negociações internacionais visa consolidar a imagem do país como produtor e exportador de produtos seguros, sustentáveis e de alto padrão de qualidade. Odilson Silva lembrou a meta de conquistar 10% do mercado internacional do agronegócio, até 2022, partindo dos atuais US$ 96 bilhões para cerca de US$ 146 bilhões.

Mais informações à imprensa:
Coordenação-geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br