Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Brasil exportará gado vivo para o Cazaquistão

Notícias

Brasil exportará gado vivo para o Cazaquistão

Mercado externo

Foi assinado certificado zoossanitário com a vice-ministra de Agricultura do país, Gulmira Isayeva
publicado: 22/03/2019 19h12 última modificação: 22/03/2019 19h12
Secretário José Guilherme e vice-ministra do Cazaquistão assinam documento que permite a exportação

Secretário José Guilherme e vice-ministra do Cazaquistão assinam documento que permite a exportação

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) assinou, na tarde desta sexta-feira (22), Certificado Zoossanitário com o Cazaquistão para que o Brasil exporte gado vivo ao país. O documento foi assinado pelo secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, José Guilherme Leal e pela vice-ministra de Agricultura do Cazaquistão, Gulmira Isayeva.

“Esse acordo representa mais uma abertura de mercado para a exportação de gado brasileiro. É um reconhecimento do alto padrão genético do Brasil”, comentou o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, José Guilherme Leal.

O encontro aconteceu na Secretaria de Defesa Agropecuária com a participação de representantes da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais, que receberam a comitiva da República do Cazaquistão para negociar os requisitos zoossanitários previstos para a exportação de bovinos vivos.

“Para o nosso país é muito importante desenvolver a cooperação com o Brasil na área agropecuária. A assinatura abre caminho para cooperação no comércio entre os países”, afirmou a vice-ministra de Agricultura do Cazaquistão, Gulmira Isayeva.


Mais informações à Imprensa:
Coordenação geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br