Você está aqui: Página Inicial > Assuntos > Relações Internacionais > Relatório de Atividades 2016

Relatório de Atividades 2016

publicado 07/06/2017 18h02, última modificação 09/06/2017 12h39

A Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio vem consolidando, a cada ano, a sua atuação e a sua contribuição para o desenvolvimento de uma política pública externa para o agronegócio brasileiro. Sua atuação tem sido cada vez mais consistente, não só no desenvolvimento de políticas públicas concernentes ao tema da negociação agrícola internacional e seus múltiplos desdobramentos (estratégia agropecuária, competitividade e abastecimento, negociações tarifárias e não tarifárias, representação internacional, promoção comercial e consolidação de imagem, sustentabilidade e agregação de valor, entre outros), mas também no processo de assessoramento ao Ministro de Estado e dirigentes na cooperação, preparação e supervisão de missões e de assuntos internacionais, bilaterais e multilaterais. Destaca-se assim que os temas referentes à política externa para o agronegócio ganharam realce em 2016, tanto em âmbito nacional quanto internacional.

Desta forma, a SRI, lança em 08 de junho de 2017, o seu Relatório de Atividades 2016, objetivando conferir transparência e identidade para sua, comunicar oficialmente dos esforços e atividades desenvolvidas em 2016, promover o reconhecimento e a divulgação dos avanços obtidos, e ,por fim, possibilitar a identificação e publicitação dos desafios em curso.

Este relatório apresenta à sociedade e aos segmentos governamentais interessados, de forma transparente e responsável, os esforços engendrados pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio no alcance das suas competências institucionais e na contribuição para a defesa e promoção do agronegócio brasileiro no exterior. Além disso, o documento traz conceitos básicos que são fundamentais para a compreensão da sua atuação da secretaria e da relevância de se consolidar uma política para o agronegócio brasileiro no mercado internacional.

Para acessar o relatório clique aqui.

registrado em: